Cofinanciamento

Plano de Ação Armis COVID e Projeto Internacionalização ARMIS DS

Nome do projeto: Plano de Ação Armis COVID

CÓDIGO DO PROJETO:

POCI-02-08B9-FEDER-070933

 

OBJETIVO PRINCIPAL:

Reforçar a competitividade das PME

 

REGIÃO DE INTERVENÇÃO:

Norte

 

ENTIDADE BENEFICIÁRIA:

ARMISDS DIGITAL SPORT, LDA

 

DATA DE APROVAÇÃO:

02-07-2020

 

DATA DE INÍCIO:

01-07-2020

 

DATA DE CONCLUSÃO:

31-10-2020


Custo total elegível: 7.250,00 €      
Apoio Financeiro da União Europeia (FEDER): 3.625,00 €

 

Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos:
  • Inovação organizacional e gestão - Adaptação da atividade empresarial ao contexto COVID-19. Para cumprimento das recomendações da DGS nos locais de trabalho, a empresa pretende investir em equipamentos que evitem o contacto com superfícies, a instalação de divisórias, implementação de software para desmaterialização de processos, assim como desinfeção regular das instalações.

 

Descrição do Projeto, com eventual monitorização do nível de execução
  • O presente investimento insere-se num plano de implementação de normas e medidas de segurança que permitam aos colaboradores o desempenho das suas funções num contexto de pandemia global, cujos objetivos assentam em dois eixos: 1º Proteção e segurança no local de trabalho; 2º Minimizar deslocações e contactos com clientes sem prejudicar a qualidade e eficácia do serviço prestado.

NOME DO PROJETO: EXPANSÃO E INTENSIFICAÇÃO DA ATIVIDADE INTERNACIONAL DA ARMIS DS


CÓDIGO DO PROJETO:

NORTE-02-0752-FEDER-034498

 

OBJETIVO PRINCIPAL:

Reforçar a competitividade das PME

 

REGIÃO DE INTERVENÇÃO:

Norte

 

ENTIDADE BENEFICIÁRIA:

ARMISDS DIGITAL SPORT, LDA.

 

DATA DE APROVAÇÃO:

16-04-2018

 

DATA DE INÍCIO:

01-10-2017

 

DATA DE CONCLUSÃO:

30-09-2019


Custo total elegível: 210.360,00 €       
Apoio Financeiro da União Europeia (FEDER): 94.662,00 € 

 

Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos:
  • Volume de Negócios total – alcançar um volume de negócios de 597 mil euros no final de 2020;
  • Volume de Negócios Internacional – represente, pelo menos, 241 mil euros em 2020, ou seja, um peso de 40% de volume de negócios internacional;
  • Diversificação Mercados Internacionais – obter vendas internacionais até 2020, nos mercados internacionais alvo de investimento (Angola, Rússia, Ucrânia, Eslovénia, Polónia, Lituânia, Grécia, México, Reino Unido e Estados Unidos América);
  • Diversificação dos Setores de Internacionalização – garantir, até 2020, vendas internacionais para, pelo menos, mais 2 setores de negócio (outras modalidades que não o futebol);
  • Diversificação da Tipologia de Clientes – garantir, até 2020, vendas internacionais para, pelo menos, mais 2 tipologias de clientes (que não as federações nacionais de gestão das modalidades);
  • Equipa Comercial Internacional – constituir departamento Comercial Internacional, com, pelo menos, 1 novo RH dedicado à função comercial nos mercados-alvo externos, até final de 2017;
  • EBITDA/Volume de Negócios – obter um rácio de 33% no final de 2020.